Logo AFL
Associação de Futebol de Lisboa
banner

Galeria de fotos

21.03.2016

Um simples cidadão procurou-nos...

Na expectativa de vir a encontrar informação que valorizasse trabalho que está a desenvolver sobre um seu companheiro, entretanto falecido, Jorge Araújo veio até nós e a sua pretensão foi coroada de êxito.

Na sequência da amável conversa que se seguiu, contando ter sido praticante de futebol nas competições da centenária Associação de Futebol de Lisboa, depressa se encontrou a sua ficha e daí a fornecê-la foi um pequeno passo.

Convidado a visitar o Museu e depois de demoradamente se percorrer o seu espaço, disse-nos ter sido uma muito agradável surpresa pelo que viu e ouviu.

Bem, vamos então descrever o currículo do Professor Doutor Jorge Alves de Araújo, investigador e historiador, personalidade que muito nos honrou com a sua presença:

Iniciou-se como atleta no Clube Oriental de Lisboa (época 1967/68), como juvenil, terminando a sua participação no Clube Desportivo dos Olivais, em 1974/1975, depois de ter cumprido serviço militar em África. Tinha o número de jogador AFL 47.383 e licença federativa 127.873. Actuou ainda nos campeonatos do INATEL.

Foi Árbitro filiado na Associação de Futebol de Setúbal e Presidente do Centro Cultural e Recreativo Alto do Moinho (27 anos!), sendo seu sócio de Mérito.

Exerceu o cargo de Vice-presidente da Associação de Ténis de Mesa de Setúbal. Tem o título de treinador nacional e internacional desta modalidade.

Foi autarca na Junta de Freguesia de Corroios, seu Tesoureiro, em 1979/81.

Actualmente lecciona no ISMAT-Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes, em Portimão, e tem a seu cargo, como docente, a cadeira História da Educação Física e Desporto.

Colabora, ainda, na revista da Associação de Futebol do Algarve com temas relacionados com a sua actividade académica.

A título informativo, descrevemos alguns temas de sua autoria:

“Da Actividade Lúdica ao Desporto em Portugal: as origens do movimento associativo”. León: Universidad de León (2003).

“A Prática Desportiva em Idade Escolar em Portugal: análise de influências nos itinerários entre a escola e a comunidade em jovens até aos 11 anos”. León: Universidad de León (2009).

“Do jogo da bola às Ciências do Desporto”. Faro: Afalgarve; vários números da Revista da Associação de Futebol do Algarve, série iniciada na edição 71, (Dez/Jan 2012).

No livro de honra desta casa deixou-nos a mensagem seguinte, que muito agradecemos:

“Sendo a historiografia a ciência dos factos reais, é impressionante o que acabei de constatar sobre o itinerário de mais de um século daquela que foi a primeira modalidade desportiva colectiva a nascer em Portugal – o futebol.

È uma obra que muito me orgulha (creio que a todos igualmente) e que deve ser continuada pelos vindouros, uma vez que estará sempre incompleta... Porque continuará a fazer história.

É, pois, com enorme satisfação que aqui deixo a minha mensagem de agradecimento por tudo o que me foi proporcionado ver nesta visita e o muito que aprendi.

Com um forte abraço de amizade

foto1


foto2


foto3


foto4


foto5


foto6


foto7


foto8


foto9


foto10